JORNAL MILENIO VIP

Colunistas - Antônio Laért

CORRER PARA O MELHOR

Publicado na edição 96 de Outubro de 2009

“O segredo de estar na frente é começar. O segredo de começar é quebrar complexas e pequenas tarefas administráveis, e então dar o primeiro passo”. Mark Twain (1835-1910)

“Descubra se o futuro é cinzento mesmo ou se é você que está de olhos fechados”. Anônimo

Quando dei por mim já estava ali: dentro de um avião, em pleno sábado, à caminho de São Paulo. Fora o incomum de ser um fim de semana, nada de mais quanto ao destino, já que, com certa frequência, estou na ponte aérea para cumprir compromissos profissionais. Naquele dia, porém, estava indo à cidade de São Paulo apenas para correr e participar do Desafio Dean Karnazes 24 horas, e pensei: — não estou me reconhecendo, quando em minha vida poderia imaginar tal situação como normal ? O que me leva a explicar isso? Desfiei perante meus questionamentos um rosário de razões para convencer-me e afinal concluir: essa transformação mostra-me que estou no caminho certo. E por que, cheguei a essa conclusão ? Na minha adolescência e juventude, tentei alguns esportes: joguei futebol, lutei judô, fiz karatê, etc. Mas foi na maturidade que me convenci do poder e do valor absoluto da atividade física para uma vida melhor e mais saudável. A quatro anos atrás, iniciei meu caminho para onde agora estou. Evolui devagar, passo-a-passo, sob a orientação de profissionais. Hoje, olho para trás e reconheço que avancei um pouco: já completei duas meias maratonas de 21 Km e catorze outras provas variando de 5 a 15 km. Tenho guardadas dezesseis medalhas que exibo envaidecidamente.

O convencimento decorre do fato de vencer e enfrentar a mim mesmo. Tenho feito diuturnamente esse exercício em busca do meu melhor, de minha superação, de mudanças progressivas. Na minha tábua de valores, a atividade física passou a ocupar lugar de destaque. Passei a correr pelo simples prazer de fazê-lo. Na corrida, encontrei um estado de equilíbrio e plenitude, de leveza, satisfação e de paz. Incorporei esse benefício ao meu estilo de vida e rotina. A saúde, sabe-se, não é apenas a ausência de doença, mas um estado de bem-estar; a soma de qualidade de vida em nosso cotidiano. Assim, dosei o meu stress e mudei o estilo de vida. Passei a encarar cada dia com mais leveza e vontade. Pela manhã sempre procuro reservar um tempo só para mim: rezar, fazer uma leitura espiritual ou de um texto inspirador. Agora acrescentei a atividade física a esse tempo. Sem ela, fica-me faltando um pedaço.

Antônio Laért
Conheça o perfil pessoal de nosso colunista ou outros artigos publicados por ele
Clique Aqui