JORNAL MILENIO VIP

Colunistas - Clóvis Mendes

O que era pra fazer já fiz

Publicado na edição 117 de Dezembro de 2011

Lamentavelmente, Nestor Vidal, prefeito de Magé, ao se afastar de uma reunião “partidária”, fez a declaração, título desta nota. Você nem entrou, e já fala como se tivesse feito o que o POVO esperava de VOCÊ... O POVO fez a sua parte, elegendo-o para fazer exatamente o que VOCÊ ainda não fez. E se não fez até agora, pelo menos FAÇA com que aquela ponte a ser construída em Mauá, não seja. Ela só servirá para a bandidagem de Saracuruna invadir a bucólica e linda Mauá; e o que é muito pior: servirá também, para os caminhões passarem com lixo de Duque de Caxias, para o LIXÃO que certamente será construído em Mauá. Moradores de Mauá, despertai-vos! Tem unzinho aí, falando em CPI dos Transportes. Por que não fez antes? E por que agora não luta para evitar essa tragédia e desgraçada pretensão lixuosa? Harre!!!

Não! Não! Mil vezes não. Ler em um periódico, que um vereador está lutando contra o pedágio da CRT. Quem é VOCÊ, para falar nesse miserável assunto cara pálida? Aliás, de pedágio, sabemos desde seu embrião, naquela churrascaria. Você nem sequer paga pedágio! Como agora e somente agora, aborda esse assunto, quando não deveria, por não havê-lo falado antes. Eleitor, fique atento, porque esses “samaritanos”oportunistas, com aparências angelicais, querem seu voto, para votar como fizeram no governo passado. Aumentar am 1.250% o IPTU, que a Ordem dos Advogados do Brasil em Magé, derrubou na JUSTIÇA

Povo de memória cambaleante, acaba tropeçando em seus próprios infortúnios. E não venha dizer que não foi por falta de alerta. Não é?

...Tenho absoluta certeza de que o Senhor Cláudio de Pakera, como é assim conhecido, não deve estar tranquilo em sua posição como vice-prefeito. Num rapidíssimo encontro na sede do E.C Pau Grande, deu para ver que se trata de pessoa inápta ao mal e mau. Há até, na Boca Maldita, quem diga ser ele, o melhor candidato para prefeito de Magé nas eleições que se aproximam. Não discordei dos eruditos políticos, presentes. Nestor Vidal, comete os mesmo erros de Ademir. Cadê a BASE? ...

Assim como Herodes nos anos 70 (ac), está faltando um muro em Magé, para as lamantações mageenses.

E por hoje é só. Sorria Periferia!

Clóvis Mendes
Conheça o perfil pessoal de nosso colunista ou outros artigos publicados por ele
Clique Aqui