JORNAL MILENIO VIP

Colunistas - Mauri Vieira

Falando sério

Publicado na edição 142 de Julho de 2014

Tenho feito muitas brincadeiras com a finalidade de alegrar, um pouco, meu povo, minha gente. Nossa cidade vive anos dirigidos por pessoas que pouco, ou quase nada, se preocupa com o desenvolvimento econômico e social de nossa gente. Cada governo que passa não deixa nenhuma saudade. A cada 4 anos vemos nossas esperanças, nossos anseios irem de água a baixo. 

FALANDO SÉRIO – O que podemos esperar dos políticos que nos vem iludindo com falsas promessas, com desmando, demonstrando total interesse pelo crescimento desse município que comemorou 449 anos de pura falência na educação, na saúde, na geração de novos empregos e administrações extremamente desastrosas.

FALANDO SÉRIO – Quero me desculpar por, na esperança de dias melhores, participei de duas eleições, fui pra rua, pedi seu voto, assumi compromissos com cada um com quem conversei, pedi o voto, me comprometi. Hoje, de certa forma, sinto-me um pouco responsável, mas, FALANDO SÉRIO, estou igual a cada um de vocês.

FALANDO SÉRIO – Ficar triste, sentir-se enganado, tudo bem, mas de desistir, ignorar as necessidades de nosso povo jamais. Não podemos, nunca, esquecer que este município é nosso, não podemos desprezá-lo, abandoná-lo.

FALANDO SÉRIO – Teremos, este ano, eleições para novos ocupantes dos cargos de Presidente, Governador, Senador e Deputados estaduais e federais. Em quem votar? Fica difícil. Porém vemos surgir novos candidatos “FICHA LIMPA” em quem podemos depositar novas esperanças, renovar nossos sonhos etc.

FALANDO SÉRIO – Fico triste quando ouço alguém dizer as frases “NÃO VOTO EM NINGUEM”, “NÃO AGREDITO EM POLÍTICO ALGUM”, “VOU ANULAR MEU VOTO”, não votando você estará colaborando com a reeleição dos políticos que possuem currais eleitorais, que se beneficiam com a pouca votação das pessoas que possuem boas propostas, bom intenção. Isto aconteceu comigo que, por não praticar atos ilícitos somente conquistei 208 votos na última eleição.

FALANDO SÉRIO – Não faça de seu voto uma arma, a vítima pode ser você.

 

Mauri Vieira
Conheça o perfil pessoal de nosso colunista ou outros artigos publicados por ele
Clique Aqui