JORNAL MILENIO VIP

Notícias

Vamos Plantar 1.000.000 de Árvores

Publicado na edição 125 de Setembro de 2012

 

Só quando a última arvore for derrubada, o último rio poluído é que o homem perceberá que não pode comer dinheiro.

O mundo capitalista esqueceu que ar puro e água limpa não se compram, temos que cuidar das nascente, conscientizar a todos. Ainda há tempo de reverter esse caos, não por nós mas pelos nossos filhos e netos.

Coleta seletiva, reuso de água para regar plantas, lavar calçadas, reciclagem de material, entre outras coisas mais, podem salvar este planeta. O importante é fazer com que isso aconteça primeiro em nossos lares e escolas para podermos juntos com essa galerinha do futuro,dar uma esperança ao nosso planeta. Conscientização de atitudes e solidariedade também são duas grandes armas nessa batalha.

Apesar de toda a evolução tecnológica, o homem não tem conseguido conter a degradação do meio ambiente.

Vários são os motivos, porém os mais angustiantes são aqueles que os meios de comunicação noticiam diariamente. Podemos citar como exemplo: 

- a ganância pelo dinheiro como é o caso do desmatamento para exploração de madeira; 
- as queimadas nas florestas causadas pelos balões ou pontas de cigarro; 
- os gases poluentes emitidos pelos veículos mal conservados.

Para melhorar a nossa qualidade de vida, poderíamos colaborar com as seguintes atitudes: 

- separando os materiais recicláveis do lixo orgânico; 
- evitando jogar lixo nos rios, ruas, encostas, matas, etc; 
- ensinando as crianças como preservar o meio ambiente.

O maior inimigo do nosso planeta somos nós, os seres humanos, que interferimos diretamente no meio ambiente.

Na maioria das vezes não percebemos o que estamos fazendo ao nosso planeta, nossas atitudes mais simples do dia-a-dia comprometem diretamente a saúde do nosso planeta. Devemos nos controlar, deixar de jogar lixo nas ruas, cobrar das autoridades uma política de controle e limpeza. Deixar o egoísmo de lado e lutar por um bem comum.

Devemos reciclar e aproveitar tudo que puder ser aproveitado, incentivar transportes que poluam menos, andar mais de bicicleta, por exemplo.

Denunciar agressões ao meio ambiente, enfim fazer a nossa parte, pois fazendo isso o nosso planeta terá grande parte dos seus problemas resolvidos.