JORNAL MILENIO VIP

Notícias

Núbia Cozzolino pagará multa aplicada pelo Tribunal de Contas

Os desembargadores do Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Rio, na sessão desta segunda-feira, dia 5, foram unânimes em denegar a ordem do Mandado de Segurança impetrado pela ex-prefeita de Magé, em que ela pedia a anulação da multa de 3 mil Ufirs aplicadas pelo Tribunal de Contas do Estado durante sua gestão na prefeitura daquela cidade. Núbia Cozzolino foi punida por não atender determinações da Corte de Contas.

Em 2004, o Município de Magé, ainda na gestão de Narriman Zito, adquiriu da Autolab, sem licitação, cinco laboratórios do tipo “didático-móvel”, e Cozzolino, sucessora na administração, instada diversas vezes pelo TCE a apresentar a documentação referente à contratação quedou-se inerte.

Segundo os desembargadores, há previsão legal para a punição aplicada à ex-prefeita.

Processo nº 0058115-63.2010.8.19.0000