JORNAL MILENIO VIP

Notícias

Feira Literária em Magé atrai jovens leitores

Publicado na edição 133 de Setembro de 2013

A primeira edição da Feira Literária de Magé, organizada pela Secretaria de Educação e Cultura, está mobilizando os aficionados pela leitura, principalmente os jovens e crianças das escolas da rede municipal. O stand está localizado na Praça Nilo Peçanha e funcionará de hoje até o próximo dia 8, das 9h às 20h.

Diversos títulos da literatura infantil e adulta estão à disposição do público. A faixa de preço dos livros varia de R$ 2 a R$ 75, com os estoques sendo renovados durante todo o evento.  A semana também reserva aos visitantes atividades com contadores de histórias, "bisbilhotequeiras" e um planetário dedicado às crianças.

O evento de inauguração foi realizado durante a manhã desta segunda-feira (2) com a participação da secretária de Governo, Sonia Sthoffel, que no ato representou o prefeito Nestor Vidal e da secretária de Educação e Cultura, Angela Lomeu.

“O governo municipal está totalmente comprometido com a educação do município, que é a base para uma mudança real em Magé. O investimento que é feito agora surtirá resultados em um curto espaço de tempo. Essa primeira feira literária será um sucesso. Aproveitem o espaço que é de todos”, disse Sonia Sthoffel.

A secretária de Educação destacou a importância do evento para a consolidação do trabalho educacional realizado no município e da possibilidade de estender o projeto para os distritos.

“A Educação no governo do prefeito Nestor Vidal está sendo fortalecida a cada dia. Trabalhar a leitura para os alunos da rede e todas as crianças e jovens do município eleva o poder de discernimento e da crítica dentro da sociedade. Ler é angariar conhecimento. Vamos tentar estender a feira para os distritos de Magé e abranger todos os locais da cidade”.

A nutricionista Gilmara Santana, que visitou a feira com o filho, achou válida a proposta e elogiou a infraestrutura do evento. “Gostei muito da iniciativa. Está tudo muito organizado. Os preços dos livros estão  bem acessíveis e com muita variedade de títulos”, finalizou.