JORNAL MILÊNIO VIP - Prefeito de Magé reduz próprio salário, do vice e oito secretários

Notícias

Prefeito de Magé reduz próprio salário, do vice e oito secretários

Publicado na edição 161 de Maio de 2017

 Na noite desta quinta-feira 04, o prefeito de Magé, Rafael Tubarão assinou um decreto reduzindo o próprio salário e do vice-prefeito Vandro Família em 25%, além de alterar também o de mais oito secretários. O prefeito declarou que essa redução é para não alterar a condição da classe operária do município, que devido à crise econômica, o governo do estado não tem repassado algumas verbas, o que causa certos desfalques nos cofres públicos. 

A saúde também podem entrar na redução. O prefeito afirmou que os médicos de Magé tem um dos melhores salários do estado girando em torno dos 10 mil reais, mas que uma negociação com os profissionais da medicina, pode ter uma redução de até 20% além de prospecções para reduzir salários de demais servidores que ganham salário acima de R$ 1.800 reais para que não haja necessidade de dispensas. E garantiu: "Isso não vai atingir ao professor, não vai atingir ao pessoal que varre rua e aos serventes." disse o prefeito Rafael Tubarão.

Sobre os contratos ativos iniciados no governo do ex-prefeito Nestor Vidal, o atual prefeito disse que está renegociando novos valores podendo reduzir pela metade do gasto atualmente com essas empresas sem alterar a qualidade dos serviços essenciais para a população. 

Na educação municipal, Tubarão anunciou alguns números como inauguração de 9 creches e aumento significativo de 10 mil alunos matriculados em 2017, enquanto em 2016 haviam 34.544 alunos este ano são 44.314. Alertou também que este número provavelmente seja devido à crise econômica e explicou. "Nosso município é carente e todo município carente usa mais dos serviços públicos. E quanto mais desemprego tem, quando o pai de um aluno que estudava na rede particular ele usa a escola pública. E quando tinha plano de saúde, a pessoa perde o emprego, ele vai pro hospital (público)." Considerou o prefeito.

Em relação a saúde, os números são bem gritantes, Tubarão afirmou em discurso que os governos anteriores atendiam em torno de 64mil pessoas na rede pública, os atendimentos subiram para 452 mil atendimentos. "São pessoas de Duque de Caxias e outros municípios vizinhos que vêem Magé como referência, principalmente a maternidade de Piabetá e de Fragoso." Informou o prefeito na câmara municipal. 

Ainda nesta quarta feira, exonerações e remanejamentos nas secretariasm também agitaram o goveno municipal.

Fonte: O Mageense